Que sorte eu tenho de ter as melhores e as piores histórias para contar

helloniver

Doze meses se passaram. E foi tão rápido que mal pude sentir.

Hoje eu encerro mais um ciclo e já inicio outro. Comemoro a realização de alguns dos meus sonhos e já começo a planejar outros tantos. Estou me sentindo tão realizada, tão feliz e tão agradecida por ter vivido intensamente e verdadeiramente cada segundo desses 22 aninhos.

A lembrança vem logo em seguida e quase me faz duvidar que eu vivi tudo isso mesmo. E, para mim, o melhor tipo de lembrança é aquele que fica presente no corpo, porque é esta que me faz rir, chorar, dançar, pular, sentir, cantar.. O que o corpo amou fica eternizado.

É claro que não consegui cumprir tudo que me propus quando fiz 22. Muita coisa aconteceu, mudei de ideia, de amigos, de estilo, de corte de cabelo ..  Cresci, amadureci  e me reinventei.

Sabe o que eu percebi? As melhores coisas que me aconteceram foram as que eu não planejei, foram aquelas em que agi por impulso mesmo, cheguei lá e fiz! E muita coisa também não mudou.

Continuo sendo a menina que pede perdão até quando está certa, a garota que chora quando está errada, a mulher responsável e pé no chão. Vou continuar sendo eu mesma, não tem jeito, não depende da minha idade, só depende de mim.

Se vou fazer listinha de metas para os 23? Vou sim. Afinal, continuo gostando das mesmas coisas e lista está entre elas. Gosto de gargalhadas altas, de abraço apertado, de amizade verdadeira, de “to contigo” sincero, de beijo demorado, de coisas retardadas, de fazer gracinha no chuveiro, do cheiro de terra molhada, de café quentinho e de muitas sensações misturadas. Essa sou eu!

E o que eu quero? Viver para valer, com toda vontade que existe dentro de mim, com toda fome e sede de vida que nem eu consigo entender, de corpo e alma, hoje e sempre!

Que sorte eu tenho de ter as melhores e as piores histórias para contar, pois elas me fazem ser quem eu sou hoje!

Meus 23 aninhos, venham que eu quero lhes usaaar! ❤ hahahhahaha

badge_post_01

7 comentários sobre “Que sorte eu tenho de ter as melhores e as piores histórias para contar

Hello, gostou do post? Então deixe aqui seu comentário. Beijos

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s