Resenha: A estrela sobe

Hello!

As pessoas mais fascinantes que eu conheço leem, e leem muito. São aquelas que têm um bom papo, se enturmam em qualquer roda, conversam sobre tudo, têm conteúdo e sempre algo interessante a acrescentar. Então, garota, LEIA!

12891065_984082495013105_1334919207993577995_o.jpg

Não me lembro ao certo como cheguei a este livro, mas posso dizer, sem dúvida, que foi a melhor leitura do ano! O livro A estrela Sobe é um romance de Marques Rebelo, literatura que retrata o cotidiano mesmo, narrando as dificuldades, as alegrias, as decepções de uma aspirante a cantora de rádio no Rio de Janeiro em 1939.

O autor tem uma forma bem peculiar de escrever, não se prende a regras, cria algumas palavras e expressões e consegue criar um final bem diferente!

É através da personagem principal, que se chama Leniza, uma jovem muito bonita, suburbana, que sonha com o sucesso, que o autor aborda o papel da mulher na sociedade carioca em 1930. Ela mora na pensão da sua mãe, um lugar muito simples, e onde sua mãe, com muito esforço, retira seu sustento. Nessa pensão, também temos o “Seu Alberto”, um senhor que apoia e sonha com a carreira grandiosa de Leniza. A jornada da jovem ao estrelato é marcada por vários conflitos morais. A todo momento, ela tem que escolher o caminho “mais fácil” ou o caminho “mais correto”.

Aos poucos, a moça bela vai percebendo que sua beleza pode ser usada como uma moeda de troca e assim, vai aprendendo  a se beneficiar disso. Se envolve com alguns homens, Mário Alves e Porto chegam a lhe pedir em casamento, mas ela recusa. O sonho dela é ser cantora de rádio! Ela se esforça para manter a vida dupla em segredo e nunca deixa sua mãe desconfiar de seus “romances”, pois não quer decepcioná-la.

A ascensão de Leniza chega a passos lentos. A falsidade no meio do rádio, a vida de aparências, o ciúme, a inveja… Começa a sentir vergonha da vida que leva. De uma maneira forte, sincera e inovadora, o autor aborda outro pesadelo feminino presente ainda nos dias atuais: o aborto. Fora da lei brasileira, continua tendo que ser praticado às escondidas, sem a  higiene necessárias e não oferecem recursos caso o procedimento tenha complicações. O drama está todo retratado no romance e tem lugar de destaque dentro da narrativa.

Uma parte que do livro que me chamou muita atenção foi a história do “Lado do Coelho” que Porto conta a Leniza.  Um dia, Porto lhe conta que tinha uma tia que fabricava doces caseiros. E ela tinha uma forma que possuía o formato de coelho, essa fora amassada e o coelhinho proveniente dela saia com um dos lados defeituoso. Então a tia sempre que colocava o doce na mesa escondia esse lado com flores. E todos nós temos um lado coelho! Assim acontece com a aspirante a cantora de rádio que mantém relações por interesse, e como forma de disfarce havia o sucesso e o esforço para ajudar sua família!

O fim do livro não é exatamente um final, pois, como e já disse, o autor não se prende a forma perfeita de escrever, mas deixa que o leitor decida o que acontecerá a vida de Leniza!

Está gostando dos posts do Blog Hello?! Então segue a gente no FaceInstagram e Twitter! Será uma alegria ter a sua companhia também por lá!

beijos, beijos

Anúncios

2 comentários sobre “Resenha: A estrela sobe

Hello, gostou do post? Então deixe aqui seu comentário. Beijos

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s