De mochila e barraca: conhecendo São Bartolomeu

Localizado a 15 quilômetros do centro histórico de Ouro Preto, entre as montanhas e as cachoeiras, encontra-se o distrito de São Bartolomeu.  O lugarejo é pequeno no tamanho, mas imenso nas tradições. Lá encontra-se  a Matriz de São Bartolomeu, um povo hospitaleiro e uma comida ( principalmente doces caseiros) magnifica. Esse fim de semana aconteceu O 2º encontro de tradições culinárias de São Bartolomeu e eu e minha prima fomos conferir 🙂

Obs: Todas as fotos estão no meu insta >>> aqui!!

13321792_1026332584121429_6925097760131628776_n.jpg

Bom, eu poderia dizer que me programei com antecedência, que separei camping, roupas e comidas, mas eu estaria mentindo. Na verdade, foi tudo de última hora mesmo! Por favor, não me julguem!! Só quero compartilhar um pouquinho da experiência maravilhosa que tive esse fim de semana ❤

Como o turismo não é muito incentivado na região de São Bartô, os horários de ônibus são bem escassos, três dias da semana em apenas um horário! Ou seja, fui de carona (não me julguem) — foi super tranquilo, em uma hora e meia eu tinha chegado!

Ah, e os campings são raríssimos também e bem longe do centro de São Bartô, então eu bati na porta de um casal suuuper simpático e atencioso e eles deixaram montar a barraca no quintal deles (não me julguem).

Outro detalhe mega importante, não deu tempo de levar o celular carregado, nem a lanterna, daí a dona da casa em frente ao “camping improvisado” deixou carregar o celular e ainda tomar banho na casa dela (não me julguem) Um amor de pessoa! PASMEM, ela ainda saiu e deixou a porta da casa aberta sem ninguém, caso precisássemos de algo — é muito amor e simpatia para um povo só!

13319731_1024711607616860_2278659300641088951_n

Como se não bastasse tudo isso que já havia me deixado encantada pelo lugar, quando fomos pedir em uma casa do centro um pouco de água fervendo para fazermos nosso maravilhoso cup noodles – porque isso é o que se come em acampamentos de última hora – a senhorinha de 83 anos nos convidou para comermos a melhor comida mineira feita no fogão a lenha!

E a cachoeira? Os shows? As pessoas que conhecemos? O barzinho com disco de vinil? Gente, seu eu continuar contando vocês não vão acreditaaar ❤

Enfim, sei que vai ter mimi, mas hoje existem muitas “mochileiras” que viajam sozinhas, adoram acampar e sabem tudo de Camping. Assim como eu, elas também gostam cada vez mais de estar em contato com a natureza. Nós viajamos sozinhas, temos independência financeira e não tem medo de pegar carona, ir com amigos solteiros por ai e nem de sermos mal interpretadas. ATITUDE define.  Sozinhas, acompanhadas, o importante é arriscar e ir por aí de mochila e mais nada!

Se cruzar com uma mochileira por ai não vá pensar que é uma desavisada;  muito pelo contrário! São antenadíssimas com as novidades, conhecem bem locais adequados para acampar, são organizadas em grupo ou não e sabem montar barracas, fazer fogueira, preparar comida em condições mínimas, passam maquiagem no escuro, sem espelho e se viram muito bem até onde não tem estrutura como banheiro e eletricidade.

Que venham os próximos acampamentos!

13321607_1026334274121260_4353480109555393612_n.jpg

Anúncios

5 comentários sobre “De mochila e barraca: conhecendo São Bartolomeu

    1. Aii, eu também tenho paixão por viagens e principalmente lugares novos!! Graças a Deus essa experiência foi perfeita, estou a procura de mais momentos assim hahhaa
      Continue acompanhando o blog, prometo continuar tudinho por aqui ❤ beijos, beijos

      Curtido por 1 pessoa

Hello, gostou do post? Então deixe aqui seu comentário. Beijos

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s