Resenha: Pollyanna

pollyanna_-_eleanor-h-porter

Hello, people!

As pessoas mais fascinantes que eu conheço leem, e leem muito. São aquelas que têm um bom papo, se enturmam em qualquer roda, conversam sobre tudo, têm conteúdo e sempre algo interessante a acrescentar. Então, garota, LEIA!

Uma amiga minha me indicou esse livro dizendo que ele tinha tudo a ver com a minha filosofia de vida. Pesquisei um pouquinho sobre e resolvi ler. Resultado: AMEEEEI ❤ Realmente tem tudo a ver com o que eu acredito e a leitura é bem simples e flui. Eu li em três horinhas e fiquei com vontade de ler mais hahaha Super recomendo!

Eu acredito que os livros sempre chegam na hora certa nas mãos de quem precisa, e dessa vez foi a minha hora, estava precisando dessa leitura!

Pollyanna é uma obra bastante “contente” que conta a história de uma garotinha, levando o mesmo nome do título do livro, que após perder sua família, teve que ir morar com sua tia (irmã de sua falecida mãe), a única parente próxima viva.

Sua tia, Miss Polly, a princípio, não é uma pessoa nada amável e Pollyanna faz de tudo para vê-la contente. Pollyanna, no entanto, é o contrário de sua tia. Ela é uma criança contagiante, que encontra motivo em tudo para estar contente.

No decorrer do livro, Pollyanna acaba cativando a todos na cidade, através do “jogo do contente”, que o seu pai havia ensinado, que funciona em ficar contente, mesmo com os piores motivos. No meio disso tudo, a garotinha acaba descobrindo alguns segredos do passado de sua tia, Miss Polly, e termina de conquistar e libertar a velha tia que vivia para cumprir seus deveres, e não para viver a vida.

Pollyanna é uma criança com o coração mais puro que já pude conhecer. Aprendeu com o pai a jogar o “jogo do contente”, quando ganhou um par de muletas ao invés de uma boneca. Seu pai lhe disse que ela poderia ficar contente com o presente, pois não precisaria delas, conseguia andar perfeitamente. Desde então, em todas as ocasiões sempre procurara ver o lado positivo de tudo. Mesmo que uma situação pareça um problema impossível, mesmo que uma notícia lhe deixe com uma profunda tristeza, ainda assim se lembrava do jogo. Às vezes poderiam levar dias, mas sempre encontrava algo para se ficar contente.

É uma leitura que flui bem, que nos faz parar para pensar em como reclamamos tanto, muitas vezes por besteira. Problemas tão pequenos, que pensamos que jamais terá fim. Não conseguimos ver nada de bom em nossas vidas, e sempre temos do que reclamar. Mas Pollyanna, com sua pureza e alegria, nos faz ver que sempre temos o que agradecer em nossas vidas. Sempre acontece algo de bom em nossos dias, mesmo que seja algo simples, algo que pareça pequeno. E são nessas coisas que devemos nos apegar.

Pollyana é o tipo de livro que todos deveriam ler. Uma história cheia de acontecimentos comoventes, narrada de uma forma leve pela visão de uma menina que procura ver sempre o lado bom das coisas. Super envolvente e traz lições que fazem o leitor refletir seu modo de encarar determinadas situações da vida. Recomendo!

Anúncios

Hello, gostou do post? Então deixe aqui seu comentário. Beijos

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s